Created with Snap
como transportar animais no carro

Como transportar animais no carro? Conheça as regras!

Uma das melhores coisas da vida é poder viajar em boa companhia, e quando falamos sobre isso, é comum pensarmos em amigos e familiares. Contudo, muitas pessoas têm outro tipo de companhia indispensável: o nosso querido animal de estimação! Quem tem um pet sabe o quanto esses animaizinhos alegram nossos dias e deixam tudo mais tranquilo.

Na hora de viajar, deixar o pet em casa sozinho, com um amigo ou até mesmo em um hotel pode não ser a melhor opção – muitas vezes, a própria viagem pode ser boa para o animalzinho. Contudo, para fazer isso, é necessário considerar alguns cuidados. Por isso, neste texto, vamos explicar como transportar animais no carro, apontando as principais questões às quais você precisa prestar atenção para que tudo aconteça da melhor forma possível. Acompanhe!

É permitido viajar com animais no carro?

Antes de mais nada, é importante compreender como a legislação lida com o transporte de animais em carro. Primeiramente, é necessário compreender que é legalmente permitido, sim, levar os pets dentro do veículo. Contudo, para fazer isso, é necessário seguir algumas normas.

Essas regras têm a função de garantir a proteção e o conforto do animal durante todo o trajeto. Portanto, deixá-lo solto no veículo não é permitido. Confira o artigo 252 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): “transportar pessoas, animais ou volume à sua esquerda ou entre os braços e pernas: infração – média; penalidade – multa”.

A penalidade para essa infração tem natureza média e a multa corresponde ao valor de R$130,16, além de quatro pontos na Carteira de Habilitação (CNH). Isso significa que é necessário levar o bichinho em segurança dentro do veículo. Vale lembrar que transportá-lo fora do carro não é permitido, sendo infração grave com multa de R$195 e 5 pontos na carteira.

Leia também:  Motoristas poderão passar por teste de drogas em blitz

como transportar animais no carro

Como transportar animais no carro?

Os animais de estimação mais comuns são gatos e cachorros. Por conta disso, a prioridade deste texto é explicar como transportá-los. Contudo, adiante abordaremos brevemente como funciona o transporte para outros tipos de animais.

Dito isso, confira a seguir as informações necessárias de como transportar animais no carro:

Adapte o animal ao veículo

Em primeiro lugar, é necessário adaptar o animal às condições do veículo, evitando que ele fique estressado ou passe mal com a dinâmica do carro. Procure colocar petiscos ou brinquedos do pet no carro, deixando-o se sentir à vontade no local, inicialmente com o carro desligado.

Depois, ligue o carro e deixe que o animal se acostume com o ronco do motor. Faça pequenos percursos antes de sair para uma longa viagem. É importante fazer esse processo pouco a pouco para que o bichinho possa se acostumar com o movimento e o balanço do veículo.

Transporte na caixinha

Uma das maneiras mais comuns de transportar animais nos carros é colocando os animaizinhos em caixinhas. Alguns cachorrinhos adoram a caixa de transporte, desde que associem esse local a algo divertido e legal. Por isso, é importante ir gradualmente acostumando o bichinho a esse espaço.

Quando colocar a caixa no carro, certifique-se de que ela não vai tombar ou virar com uma freada brusca. Passe o cinto de segurança e mantenha a porta da caixa fechada durante toda a viagem. Se possível, peça para algum passageiro ir cuidando do animal durante o percurso para evitar qualquer tipo de problema.

Transporte com peitoral

Outra forma de levar animais no carro é por meio do cinto peitoral. Esse é um equipamento que garante bastante proteção ao pet, principalmente no caso de cachorros. O peitoral vai entre as pernas e a barriga do pet, proporcionando uma distribuição adequada do peso em caso de freada repentina.

Leia também:  6 Cuidados Com o Carro Para Prolongar a Vida Útil

Dentro do carro, é necessário prender o equipamento em um local firme, utilizando o próprio cinto de segurança para garantir a estabilidade. É sempre importante deixar bem preso, evitando que o animal saia ou caia no assoalho.

Transporte no assento

Além da caixinha e do peitoral, é possível também levar o animal na cestinha. É um equipamento direcionado principalmente a cachorros de pequeno porte. Para utilizá-la, é importante prendê-la na cabeça do banco traseiro e na parte inferior, com o cinto de segurança. Quando a cestinha estiver bem presa, é só colocar o animal dentro dela.

Geralmente, o assento para transporte de animal consegue suportar até 10kg. A própria cesta possui um cinto que deve ser utilizado para fixá-la no banco do carro durante a viagem. Novamente, se for possível, peça para que um passageiro vá no banco traseiro acompanhando o pet e garantindo que fique tudo bem com ele.

Tenha cuidado com o ambiente

Além de utilizar os equipamentos corretos para transportar os animais, também é importante prestar atenção em certas questões para que o ambiente fique propício ao transporte. Vale a pena seguir algumas dicas, como:

  • mantenha a temperatura ambiente: assim, é possível evitar calor ou frio excessivo, pois eles podem prejudicar a saúde do animal;
  • prefira viajar pela manhã: os períodos da manhã, principalmente em uma viagem de verão, apresentam um sol menos intenso, o que contribui para o bem-estar do pet;
  • faça algumas paradas: mesmo que o animal esteja acostumado a viajar no carro, é comum que com o tempo ele fique estressado. Por isso, fazer paradas pode ser uma boa forma de acalmá-lo.

Como transportar outros animais?

Se você não tem cachorro nem gato, mas precisa levar um animal dentro do carro, existem certas formas mais genéricas para fazer isso. Se for um animal de quatro patas e pequeno, como um coelho, procure deixá-lo dentro de uma caixinha com material absorvente e bem preso ao banco. Já no caso de pássaros, utilize a própria gaiola do animal ou uma bolsa apropriada para esse tipo de transporte.

Leia também:  Como preservar o pneu: 6 cuidados essenciais

Caso seja necessário transportar um hamster, por exemplo, vale a pena tomar o cuidado de levá-lo em uma gaiola sem serragem, colocando alguns pedaços de papel higiênico para garantir o conforto. Embora o carro seja considerado um dos melhores meios de locomoção para esses bichinhos, é necessário que isso seja feito com todo o cuidado para manter a integridade e a saúde do animal. Em caso de dúvida, consulte um veterinário de sua confiança.

Como foi possível notar, é importante saber como transportar animais no carro para viajar tranquilamente com seu animal de estimação. Existem diversos cuidados que devem ser tomados para que toda a viagem seja feita com segurança e tranquilidade. Portanto, siga nossas dicas e curta seu passeio com seu animalzinho!

Gostou deste post?  Então, continue se informando no Blog Unidas Seminovos com as melhores dicas para viajar de carro. Fique por dentro e boa viagem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você também pode gostar de:

© 2021 Blog Unidas Seminovos - Todos os direitos reservados