Created with Snap
O que é direção defensiva? Confira as boas práticas

O que é direção defensiva? Confira as boas práticas

Você sabe o que é direção defensiva e o que fazer para conduzir seu carro de forma segura? Na verdade, transitar com o carro na cidade ou na estrada é algo que sempre requer muitos cuidados para evitar riscos de acidentes. Daí as recomendações para os condutores se manterem sempre atentos, bem-dispostos e conscientes na hora de conduzir o veículo.

Por isso, praticar a direção defensiva pode ser o diferencial na hora de se deparar com uma situação difícil no trânsito que requer uma decisão rápida, evitando, dessa forma, riscos de acidentes de todo tipo.

O fato é que dirigir de forma mais cautelosa possibilita evitar acidentes e mortes. Afinal, a maioria dos acidentes que ocorrem nas estradas e no trânsito são causados por falha humana.

Neste artigo, você vai saber o que é direção defensiva e conhecer algumas dicas para garantir a segurança no trânsito praticando uma condução segura e livre de riscos. Confira!

O que é direção defensiva?

É a maneira de conduzir um veículo de forma atenciosa e cuidadosa, reconhecendo antecipadamente as situações de perigo que possam se apresentar no trajeto. Além disso, essa prática garante também que o condutor consiga prever o que pode ocorrer no trânsito, evitando diversas situações que podem provocar um acidente.

Quais são os tipos de direção defensiva?

Existem dois tipos de direção defensiva, que são a defensiva preventiva e a corretiva. Veja:

  • preventiva: são os mecanismos permanentes utilizados pelo condutor para evitar acidentes, antecipando os riscos;
  • corretiva: são procedimentos que o condutor adota ao se defrontar com a possibilidade da ocorrência do acidente, corrigindo as situações não previstas.

Quais são as boas práticas de direção defensiva?

Sendo assim, resolvemos relacionar algumas boas práticas de direção defensiva para que os condutores fiquem atentos e ajam de forma adequada nas situações que requerem cuidados para evitar acidentes. Mantendo, dessa forma, a segurança do motorista e dos passageiros. Confira!

Faça a manutenção regular do veículo

Manutenção sempre em dia!

A manutenção do veículo de forma regular garante que todos os seus sistemas estejam funcionando adequadamente. Isso reduz os riscos de acidentes causados por alguma falha mecânica em algum dos sistemas.

Na verdade, é fácil saber os momentos que seu carro deve passar pelas manutenções. Para isso, basta consultar o manual e verificar o tempo de manutenção requerido por cada sistema e item do veículo.

Trata-se de uma prática que evita, além de imprevistos, a redução dos riscos de fundir o motor do carro, muitas vezes por deixar de trocar o óleo — uma coisa simples de ser feita. Esse é apenas um exemplo que evitará que seu carro pare no meio do caminho e possa provocar acidentes.

Faça ultrapassagens com muito cuidado

Fazer ultrapassagens sem cuidado talvez seja uma das imprudências que causam mais acidentes nas estradas. É primordial total precaução nesse momento. Vários fatores devem ser observados antes de fazer uma ultrapassagem com segurança, como:

  • utilize corretamente a seta para sinalizar sua conversão;
  • observe pelo retrovisor se não há outro veículo fazendo o mesmo com o seu carro;
  • dê um breve toque na buzina.

Depois dessas averiguações, faça a ultrapassagem acelerando o veículo com uma marcha mais forte. Lembre-se: diante de qualquer dúvida, prefira esperar por um momento sem que haja quaisquer riscos.

Mantenha a distância de segurança recomendada

A colisão traseira é um dos acidentes mais comuns no trânsito, isso porque a maioria dos condutores não mantém a distância recomendada do veículo que vai à frente. Os motoristas não consideram a distância e, se houver qualquer imprevisto e o veículo da frente tiver que frear, fatalmente ocorrerá a colisão.

Diante disso, não há como se descuidar quanto a esse fator que causa muitos acidentes. O que você, condutor, deve ter em mente é que, se houver algum motivo para que o carro da frente tenha que frear, é preciso contar com tempo suficiente para que você possa frear também, evitando, assim, a colisão.

Fique atento aos itens de segurança

Inspecionar os itens de segurança é parte fundamental da Direção Defensiva

Os itens de segurança são essenciais para uma direção defensiva. Sendo assim, faça disso um hábito — assim que entrar no carro, coloque o cinto de segurança e certifique-se de que todos os passageiros procedam da mesma forma. As estatísticas apontam que essa medida simples é responsável por evitar danos maiores em acidentes automobilísticos.

Mantenha as duas mãos no volante

Essa é uma recomendação básica, que todos conhecem, mas poucos aplicam na prática. No entanto, reforçar que manter as duas mãos no volante garante um controle maior em situações inesperadas é sempre uma boa dica e que não deve ser esquecida, sobretudo quando muitos não hesitam em atender o celular enquanto dirigem.

Utilize os faróis de forma adequada

Os faróis são peças fundamentais para a segurança. Veja algumas regrinhas para fazer o bom uso desses itens:

  • ligar a luz baixa à noite e durante o dia, visto que isso contribui para a visualização dos veículos pelos outros motoristas;
  • desligar a luz alta e utilizar a luz baixa quando for cruzar com outro veículo ou se houver outro à sua frente.
  • sempre que precisar, use faróis de neblina. Afinal, são essenciais quando a visualização está prejudicada. Eles iluminam os veículos por baixo e nas laterais, permitindo que a sinalização seja vista.

Tenha cuidado ao dirigir na chuva

Dirigir na chuva representa riscos até para os mais experientes e profissionais que ficam o dia inteiro ao volante do carro, em especial quando a chuva é forte, pois além de dificultar a visualização, ela prejudica a aderência dos pneus ao solo. Daí a importância de mantê-los sempre em ótimas condições de uso, inclusive para evitar a aquaplanagem.

Nesses casos, a recomendação é diminuir a velocidade e ligar o ar quente em direção ao para-brisa, pois a tendência é que fique embaçado e prejudique bastante a visualização.

Agora que você já sabe o que é direção defensiva, siga nossas dicas e garanta uma condução mais segura de seu veículo.

Se você gostou deste post, sugerimos que leia também este outro conteúdo que fala sobre a manutenção preventiva do carro. Até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você também pode gostar de: